domingo, 11 de maio de 2014

Relatando...

Realmente foram momentos inesquecíveis... emocionantes... especiais... únicos e cativantes... Um tempo curto que deixou saudade extensa...

A princípio, eu não iria. Era uma viagem em que eu não me achava pronta para encarar. "É muito longe", pensávamos eu e meu orgulho. Os dias foram se aproximando e a dúvida aumentando se deveria ou não ir para aquele avanço missionário. Decidi! "Eu vou!" O dia chegou. Um dia "daqueles" no seminário: organizando os últimos detalhes, recebendo pagamento de inscrições, ajustando algumas duplas para o evangelismo do dia seguinte, preparando a lista de chamada. Até que, finalmente, subi no ônibus, me acomodei e descansei...

Sim, realmente era uma viagem longa. Saímos às 22h de uma sexta-feira e chegamos às 05:30h do sábado. Graças a Deus o Senhor nos fez chegar em paz e segurança. Entramos na escola, nos alojamos nas salas, tomamos um café da manhã preparado pelas irmãs da igreja local que tão prontamente nos receberam e nos deram todo apoio e carinho. Aos pouquinhos, fomos nos familiarizando com tudo ali. Chegou o momento em que as duplas de evangelismo saíram para a zona rural. Dois irmãos ficaram na escola a fim de interceder diante de Deus por todos que saíram para propagar o Evangelho de Cristo. Eu me juntei àqueles irmãos e oramos juntos, lemos a Bíblia, cantamos hinos de exaltação a Jesus. Enquanto estávamos ali, críamos que Deus estava capacitando cada dupla que estava espalhada pelos vilarejos anunciando as boas novas da salvação. A manhã passou, a tarde chegou e almoçamos. Estava se aproximando um dos momentos mais significantes para mim: a evangelização das crianças! (Lembro-me de quando estava em casa, dias antes da viagem, preparando as sacolinhas e as pulseirinhas para elas. Meu coração saltitava só de imaginá-las, todas juntas, cantando e ouvindo falar de Jesus. *-*). E fomos para Belem (vilarejo que dista 12 km da cidade de Tavares). Estradas de barro, algumas subidas e descidas íngremes, curvas, barrancos, de fato não era um percurso fácil. Mas nada disso foi levado em consideração quando contemplamos a beleza daquele lugar! "Meu Deus, isso é mesmo um sertão?" Uau! Estava vendo uma paisagem linda, completamente verde, farta de água, montanhas e de clima muito agradável! (o registro não me deixa mentir). Deus realmente se revela por meio das coisas criadas! (Salmo 19). Bom, chegamos a Belem. Pasmem! Uma cena que jamais sairá da minha memória: as crianças estavam todas trocadinhas de roupa, sentadas nas calçadas das suas casas nos esperando. Que coisa linda! Todas subiram a rua em direção à escola municipal. E lá se reuniram 70 pequeninos para a glória de Deus, além dos seus pais e responsáveis. Eles aprenderam e cantaram conosco músicas sobre o amor e a bondade de Deus. Eles sentaram e, atentamente, aprenderam sobre Deus e sua criação, sobre o pecado, sobre Jesus Cristo e sobre a importância da oração e da leitura bíblica.

Aquela tarde logo findou. Eu estava maravilhada por ter sido presenteada pelo Senhor com o privilégio de vivenciar tudo aquilo. Voltamos todos vibrantes! Já estava escuro e não parávamos de cantar em cima do carro que nos transportava. Até que, em uma daquelas difíceis subidas, o pneu baixou. Paramos, descemos todos. Não bastava o pneu ter baixado, ele rasgou, à noite e numa subida de barro! Que desafio! Mas aí também vimos o cuidado de Deus. E quarenta minutos depois, estávamos retomando nosso trajeto de volta para a nossa base, em Tavares.

Já era noite quando nos reunimos, após o jantar, no pátio da escola e fizemos uma devocional. Oramos todos juntos, oramos uns pelos outros, exaltamos o Senhor através dos louvores cantados, fomos edificados com os testemunhos compartilhados. Foi um momento lindo e especial. E chegou a hora de dormir. A começar de mim, penso que todos estavam muito cansados fisicamente de uma viagem durante toda a madrugada acompanhada de um dia de trabalho intenso. Mas, ao mesmo tempo, não me resta dúvida de que nossos corações estavam renovados, alegres e vibrantes como crianças! O domingo chegou, as duplas novamente saíram para evangelizar, dessa vez na própria cidade de Tavares. E mais uma vez eu e a querida irmã Lourdes estávamos naquela salinha de oração. (Sabe... pude ver, na prática, o quão importante e necessário é a oração/intercessão. Enquanto oramos, Deus age. Enquanto oramos, Deus efetua Seu querer e Sua vontade que é sempre boa, perfeita e agradável).

O almoço estava próximo, quando todos estavam retornando à escola encorajados, animados e revigorados de espírito. Um grande grupo se juntou no pátio e começou a cantar. Foi um outro momento lindo de comunhão. Nesse momento, eu estava numa salinha e comigo estava uma moça de lá da cidade. Ela olhou pra mim e, com lágrimas nos olhos, me disse: "A gente agradece muito vocês terem vindo pra cá. É muito importante para nós porque nos renova o ânimo de continuar a caminhada, de ir e fazer Missões. Ver tanta gente assim que deixou seu conforto e segurança do final de semana para estar aqui é realmente muito lindo. Estávamos precisando viver isso aqui na cidade". Eu não precisava daquela declaração dela para sentir a alegria que já estava sentindo por tudo o que tínhamos vivenciado. Mas confesso a vocês que aquelas palavras me fizeram pensar no quanto Deus é perfeito em seus propósitos! Além de ter nos usado para anunciar o evangelho naquela região, também nos usou para trazer ânimo ao povo Dele daquela cidade. E, como uma via de mão dupla, renovou em mim também a certeza de que o Senhor sempre preserva um remanescente fiel! Não importa o lugar.

Então, o momento do retorno chegou. Da mesma forma como o Senhor nos levou, ele nos fez regressar: em paz e em segurança! Obrigada Deus, pois vejo sentido na vida quando vivencio momentos como esses. Existe um propósito para o qual fomos criados e esse propósito é o louvor da Sua Glória! É tornar Teu nome conhecido! É refletir Jesus Cristo!

Encerro esse relato com um versículo que me fala muito ao coração: "Como são belos nos montes os pés daqueles que anunciam boas novas, que proclamam a paz, que trazem boas notícias, que proclamam salvação, que dizem a Sião: ‘O seu Deus reina!’” (Isaías 52:7)



Um comentário:

  1. Tudo isso prova o quão grande é o nosso Deus, imensurável em todos os Seus propósitos..., e o quanto é compensador quando nos submetemos ao Seu querer e obedecemos o Seu "Ide".

    ResponderExcluir